[Ficha] Yomi

    Compartilhe
    avatar
    Ace

    Mensagens : 2
    Data de inscrição : 10/10/2018

    Ficha do personagem
    Nível: 1
    Vida:
    0/0  (0/0)
    Cosmo:
    0/0  (0/0)

    [Ficha] Yomi

    Mensagem por Ace em Qua 17 Out - 2:37

    Dados do Personagem

    Nome: Amakura Yomi
    Sexo: Masculino
    Signo: Virgem
    Idade: 23 anos
    Data de Nascimento: 28/08/1922
    Local de Nascimento: Índia
    Local de Treinamento: Índia/Grécia
    Traje: Armadura De Ouro De Virgem

    Características

    Aparência:
    É um homem de características agradáveis, que transmitem o ar de inofensividade. Possui aproximadamente, 1,78cm de altura. É considerado alto e magro, mais precisamente, pesando cerca de 68kg. No entanto, apresenta um corpo definido, demonstrando um abdômen marcante quando exposto. Possui uma pele clara, olhos violetas e um pouco puxados, cílios pequenos e sobrancelhas finas. Seus cabelos claros são bem longos, indo além da sua cintura; eles são meio difíceis de descrever, pois, em cima, há mechas um pouco bagunçadas, tendo uma espécie de franja entre elas, já abaixo, estas se estendem linearmente, como se estivessem amarradas por um rabo de cavalo. Quando está sem armadura traja uma túnica, isto é, alguma veste que cobre seu corpo por quase inteiro, sendo relativamente leve. Ela é branca e possui vários detalhes coloridos, predominando as cores: roxo, rosa, dourado e preto. A vestimenta tem um capuz de mesma cor, amarrado pela fita rosada. Às vezes, também pode apresentar alguma faixa azul e dourada. Por baixo dessa vestimenta, traja uma blusa preta colada ao corpo, deixando seus músculos destacáveis quando ficam sem a túnica. Já os seus braços estão cobertos por uma espécie de braçadeira negra que vai até seus pulsos. Ademais, utiliza uma calça preta e longa, com listras verticais e douradas.

    Personalidade:
    Pode-se dizer que Yomi tende a ser alguém calmo e positivo, afinal, mediante à cruel realidade, ele é otimista, visando sempre o lado bom. Demais, não demonstra preocupação diante de quaisquer situações, mostrando, geralmente, pacificidade. Fora essas características, também é um tanto quanto arrogante, uma vez que apresenta grande confiança sob as suas habilidades, achando-se até superior comparado ao restante dos companheiros da mesma classe.

    Habilidades

    Nome:
    Categoria:
    Descrição:

    Técnicas

    Nome:Jardim De Avalon (アバロンガーデン
    Abarongāden)
    Categoria: Ataque
    Descrição: Em meditação, o cavaleiro de virgem erguendo sua mão com o rosário. Concentra uma pequena energia no centro criando uma onda dimensional propagada em um campo de 30 metros.
    Quando é atingindo o oponente é enviado a uma outra dimensão, cujo chama-se Jardim de Avalon um ser humano não seria capaz de pisar lá sem ser julgado pelo seus atos. Por tanto é passado por um julgamento pela tribuna de Avalon que se divide em três etapas:

    1° Se o humano tiver o mínimo de pecados no caso entre 1 e 2, ao bater o martelo é considerável a perda de um dos sentidos do seu corpo.

    2° Um tanto pouco pior do que o primeiro, pelo fato de ser julgado por 3 a 5 pecados perca de três sentidos.

    3° Realmente aqui será o ápice desta técnica, cada pecado é aplicado uma pena entretanto se for contestado que completou de 7 pecados ( Soberba, Alvareza, Luxúria, Inveja, Gula, Ira e Preguiça) Que são conhecidos como os "Sete pecados capitais" de acordo com o cristianismo. O julgador que no caso é o Cavaleiro De Virgem pode retirar os cinco sentidos como se fosse uma "Pena Máxima", ao chegar neste nível o oponente perde os 6 sentidos, assim podendo transformá-lo numa presa fácil.

    Particularidades

    Nome:
    Natureza:
    Descrição:


    História

    O destino de uma criança começava a ser traçada na noite de seu nascimento, ali naquela quarta feira, vinte oito de agosto de 1922, nascia Amakura Yomi, filho de dois aldeões que residia em um pequeno vilarejo na Índia. 
    Ainda criança ele destacava se aos 8 anos por ajudar seu pai que vendia frutas para sustentar a família porém questionava às vezes por mãe não ajudar muito, enquanto um dia olhava para o Rio Ganges, via alguns corpos flutuando na superfície da água isso o deixava assutado que o fazia ele correr para casa assustado. Em uma certa noite enquanto ia dormir após chorar muito lembrando dos corpos no rio, Amakura começava a ouvir uma voz estranha. 

    — Yomi, por que está tão triste?
    Você tem apenas 8 anos e apesar disso você senta ai todo dia para se lamentar, o que é que te preocupa?


    — Hoje eu vi muitos corpos mortos flutuando no rio Ganges e na beira do rio eu vi peregrinos vindos da Índia inteira para tomarem banho. Tive a impressão de que celebravam a morte no lugar da vida. Por que é tão pobre esse país onde nasci? Parece que só nascemos para sofrer e se lamentar, as pessoas vivem no meio de desgraça.

    — Onde há tristeza, há alegria e o contrário também é verdade. Lindas flores nascem, mas eventualmente morrem. Tudo nesse mundo está em eterna mudança, sempre em movimento, nunca é igual, tudo muda, e a vida do homem também é assim. Não se esqueça, a morte não é o fim de tudo, a morte não é mais do que outra transformação. Todos aqueles que nasceram nessa terra, mas que depois foram chamados de homens santos, conseguiram superar a morte. Yomi, se você se iluminar com essa verdade, certamente você e sua condição mortal se transformarão no homem mais próximo de Deus. 

    A pobre criança levantava um pouco assustado achando que era só um pesadelo porém percebia que era Buda conversando com ele, e voltava a dormi de novo. Depois de algum tempo quando completou seus treze anos de idade, infelizmente sua mãe acabou sendo morta por um assaltante quando voltava para casa, tendo o paradeiro do seu pai desconhecido assim fazendo o pensar que o próprio tenha morrido, e isso acabou fazendo que Yomi começar a refletir sobre um pouco sobre a humanidade, depois disso se caminhava para um templo indu. Enquanto estava lá a noite caia parecia que havia perdido a noção do tempo, quando a voz que ele ouviu a cinco anos atrás novamente era ouvida porém parecia que estava a espera de Yomi naquele local, seria uma pequena coincidência do destino? 

    — Yomi, eu estava lhe esperando. Eu estive observando você desde do dia do seu nascimento, sabe que não é a primeira vez que conversamos gostaria de lhe apresentar uma pessoa, que talvez você já o conheça a um bom tempo olhe para trás e abra seus olhos. 

    Um brilho de cor dourada entrava pela porta do templo que ofuscava um pouco a visão de Yomi que dava dois passos para  trás, uma armadura que parecia ser feita de Ouro refletia aquele brilho. Revelou-se que aquela pessoa misteriosa seu seu pai Saito, mais conhecido como o Cavaleiro De Virgem.
    Vendo seu pai na sua frente vestindo uma Armadura de Ouro, pouco se sabia sobre seu pai desde de quando foi "dado" como morto, era uma surpresa para Merlin que estava sorrindo. Saito então revelou o seu real propósito, de que seu filho seria seu sucessor como Cavaleiro De Virgem. 

    — Então você está vivo... Inacreditável... Meu amado filho, Amakura Yomi, você o único herdeiro do meu legado jamais imaginaria que este dia chegaria, eu já estou velho para continuar em ação. Sei que desapareci e não dei nenhuma explicação, foi trágico o que aconteceu com a sua mãe.
    Por isto retornei e irei o treinar até o fim de minha vida para que se torne o próximo detentor da sexta casa do Santuário de Athena! 


    O garoto atentamente ouvia as palavras de seu pai em silêncio, e concordava com um simples movimento de balançar a cabeça, com um simples sorriso em seu rosto nem imaginava o que lhe aguardava a partir daquele momento começava seu árduo treinamento, para se transformar em um Cavaleiro De Ouro.
    Um certo dia em um treinamento com seu pai sem querer com um golpe no direção ao coração de seu pai por acidente ele acaba o matando, Yomi vendo o corpo de seu pai ali no chão chorava, que por sem querer acabou matando seu ente mais querido, após uns meses ele teve que fazer uma escolha  de fechar seus olhos já que quando abrisse os olhos constituiria no "Nascimento do Universo" como muitos diziam.

    Grécia, 1945

    O tempo passou e Yomi agora com seus vinte e três anos de idade, já estava maduro e havia se desenvolvido seu corpo por completo ter descoberto o universo dentro de si. Entretanto ele não evoluiu só fisicamente, como espiritualmente a ponto também de ser considerado a própria reencarnação de Buda, após causar a morte de seu pai por ele mesmo em um "acidente" durante o seu treinamento estava ali diante do túmulo de seu pai, jurando que iria continuar o seu legado e iria proteger a vida na terra mesmo que custe sua vida tão jovem.

    — Todo ser humano deve viver de acordo com as estrelas sob as quais nasceu. Alguns nascem sob estrelas de sorte; outros, sob estrelas de azar. Mas eu só posso dizer que eu farei o possível, sejam quais forem as minhas estrelas.
    avatar
    Anakin

    Mensagens : 71
    Data de inscrição : 07/09/2018

    Re: [Ficha] Yomi

    Mensagem por Anakin em Qui 18 Out - 17:33

    Sua ficha foi inicialmente reprovada.

    Jardim de Avalon: Pela descrição, você precisaria de uma habilidade especifica para conseguir executá-la com perfeição. Se for necessariamente uma técnica ilusória: precisaria de uma habilidade que permita-o manipular ilusões. A perda de sentidos não serão permanentes e deverá ser deixado claro na descrição da técnica.

    Observação: o Rosário de 108 contas precisa ser feito no jogo, logo você não teria posse dele.

    História: Há uma pequena regra implícita no fórum de que nenhum jogador possa criar uma relação com um NPC da trama, muito menos da-lhe nome ou destino. Portanto, você não poderia ter tido contato ou relação com o cavaleiro de ouro de Virgem, principalmente pelo ocorrido da trama, que pareceu ter sido ignorada.

    => Leia a trama aqui.

    Faça essas correções e sua ficha será devidamente aprovada.

      Data/hora atual: Ter 20 Nov - 14:16